VSM EM COMPRAS (VALUE STREAM MAPPING) | HABILIDADE DE MAPEAR OPORTUNIDADES

5 minutos

VSM EM COMPRAS (VALUE STREAM MAPPING) | HABILIDADE DE MAPEAR OPORTUNIDADES

VSM em compras nada mais é que trazer um ferramenta de Lean Manufacturing para é uma ferramenta fantástica, prática simples e muito pragmática. Possibilita entendermos oportunidades de melhoria de comunicação, gargalos, estoques e custos desnecessários.

vsm em compras

Um comprador que domina o processo de fornecimento até a ponta do recebimento do fornecedor é diferencial no mercado. Lean Manufacturing não é um habilidade facilmente encontrada entre compradores, mas o poder que tem este conhecimento garantem um destaque significativo de resultado e ações proativas.

Empresas que treinam seus compradores para VSM e dedicam ações para mapear oportunidades conseguem resultados fantásticos e reduções de custos significativas, pois conseguem avaliar ineficiências no processo produtivo de ponta a ponta e focar em ações que realmente trazem valor à empresa.

VSM em compras é poderoso, pois:

  • Trás visões não vistas durante uma visita à um fornecedor
  • Trás oportunidade de comunicação que melhorarão a eficiência entre as empresas
  • Trás visibilidade de desperdícios de impacta fluxo de caixa das empresas
  • Identificam falhas nos processos internos que podem ser mitigados com ações de Sourcing

VSM em compras possibilita você construir formas de fornecimentos mais robustas e identificar oportunidade não vistas.

Você conhece:

  • Os desperdícios da sua empresa?
  • Os  desperdícios da sua carteira de compras?
  • Os desperdícios dos seus fornecedores?
  • Mais importante:

Você consegue identificar estes desperdícios de forma sistemática e criar ações em conjunto com fornecedores e stakeholders?

Para organizar um pouco mais suas habilidades para identificar desperdícios, sugerimos se focar nos 7 desperdícios em um processo de manufatura. Em qualquer visita que você fizer aos seus fornecedores você identificará claramente algum destes desperdícios.

OS SETE DESPERDÍCIOS EM UM SISTEMA PRODUTIVO DE MANUFATURA

7wastesFonte: Michael Cousins

DESPERDÍCIO No.1 

PRODUÇÃO EXCESSIVA | OVERPRODUCTION

Se você tem um fornecedor com produção excessiva, significa que ele pode ter desperdícios por produção excessiva e, desperdícios nesta magnitude são fatais. Então você tem uma bomba relógio na mão, um fornecedor com diversas perdas camufladas.

Qual o problemas de produzir em quantidade superior a esperada ou antes do determinado:

  • Estoques desnecessários
  • Caixa alocado desnecessariamente
  • Produtos finais com risco de garantias de qualidade
  • Riscos de obsolescência do materiais

Como comprador identificar a produção excessiva, proporciona ações efetivas e proativas de reduções de custo, aumento de prazo e geração de fluxo de caixa.

DESPERDÍCIO No.2 

ALTO ESTOQUE | HIGH INVENTORY

Estoque possibilita a mitigação de risco na hora do pedido, mas é fatal pois emprega um caixa desnecessário, que de fato, trarão riscos financeiros sérios em caso de uma corte abrupto da demanda.

Estoques colocam toda a empresa em um zona de conforto, que gera ineficiências muito difíceis de serem identificadas. Como comprador sua empresa será bem atendida, com baixo risco de paradas de linha, mas para o fornecedor este custo sangrará e eventualmente poderá tornar o produto mais caro.

Discussões operacionais que possibilitem um planejamento sincronizado com todas as etapas do processo e com um sistema logístico eficaz, é possível reduzir drasticamente os estoques de matéria-prima e de produto acabado, trazendo algumas oportunidade valiosas para sua empresa. converse com os stakeholders e avalie a possibilidade de implementar JIT (Just-in-Time).

DESPERDÍCIO No.3 

TRANSPORTE | TRANSPORTATION

Transporte não agregam valor, mas é usual identificar planejadores cometendo falhas, exigindo fretes extras ou lote não otimizados. Isso aumenta custos, aumenta movimentações e eventualmente estoque desbalanceados.

De uma olhada neste Check List:

  • Avalie a necessidade de peças por horas
  • Avalie o lote ótimo do seu fornecedor
  • Avalie o lote ótimo para o caminhão
  • Avalie o lote ótimo para sua empresa
  • Avalie o lead time de entrega
  • Avalie a movimentação interna da sua empresa
  • Avalie os equipamentos necessários para transportar o material do seu fornecedor
  • Avalie tecnologias que padronizem o trasporte e minimize tempos

DESPERDÍCIO No.4 

MOVIMENTAÇÃO | MOTION

Este desperdício normalmente não é dado atenção, mais implica em desgaste dos funcionários, mão de obra desnecessária e muitas vezes gera outros desperdícios como: produção excessiva e espera.

Em geral, movimentações desnecessárias geram 10 a 20% de perdas nos tempos de processamento implicando em custos mais alto ou eventualmente margens de lucro menores.

Como comprador, identificar este desperdício é um “quick win”, pois possibilita construir projetos eficientes e de rápida aplicação, com reduções de custos rápidas na carteira.

Reduzir e otimizar todas as movimentações, mesmo que pareçam insignificantes, garante eficiência. Cada 5 segundos que você elimina da movimentação de um operador, pode ser aplicada a produtividade no que realmente agrega valor.

DESPERDÍCIO No.5

ESPERA | WAITING

Espera é prejuízo, é recursos valiosos desperdiçados. Este custo entra facilmente no custo do produto, tornado o produtos do fornecedor muita vezes não competitivo.

Muitas vezes é possível visualizar fornecedores com índices altos de espera para produtos de um cliente e repassando tal improdutividade nos seus produtos ou de outros clientes que geral lucro. Esta ação é inadmissível, e você entendendo este aspecto consegue desafiar o fornecedor a cobrar o justo.

Outras formas de espera:

  • Demora para ser liberado pela qualidade
  • Máquina parada
  • Testes de Engenharia
  • Espera do operador que está envolvido em atividades que não agregam valor

DESPERDÍCIO No.6

PRODUTOS DEFEITUOSOS | DEFECT 

Quando fala-s de produtos defeituosos é inevitável não pensam e 6 sigma em compras. Como você conseguirá entender se existe uma limite fora do normal em seu fornecedor se você não entende de capabilidade de processo e de 6 sigma?

Produzir abaixo do nível de qualidade, gera refugo, gera retrabalho, e óbvio que em qualquer um dos caso gera custos extras que serão repassador no preço ou em perda de margem. É corriqueiro ver a área de vendas solicitando aumento de preço para recompor margem, por simples ineficiência da produção do seu fornecedor.

Produtos defeituosos causam demasiadamente os seguintes custos extras:

  • Perda de custo de matéria-prima
  • Perda do custo da energia
  • Perda do custo da mão-de-obra
  • Perda do custo da amortização
  • Perda do custo de eventual hora extra
  • Perda do custo de desgaste ferramenta e amortização ferramentais
  • Perda de atrasos de entrega para clientes
  • Perda do custo de eventuais retrabalhos

DESPERDÍCIO No.7

PROCESSAMENTO EXTRA | OVERPROCESSING 

O fornecedor precisa entregar o que é especificado pelo cliente, por isso, concentra energia e arrumar erros do seu processo de manufatura. Não é difícil de encontrar fornecedores com um time “gigantesco” para verificação 100% e retrabalho 100%. Isso em um primeiro momento mostra a preocupação da empresa em entregar o que o cliente pede e ter indicadores  de qualidade como PPM e níveis de entrega. Mas a qual preço?

Ter overprocessing é justo como uma ação paliativa, mas tem que ser momentâneo, e não perpétuo. Se for perpétuo, causará custos excessivos. E isso não é o que uma área de compras deve esperar de um fornecedor preferencial.

Alguns pontos de atenção quando avalia-se um fornecedor neste desperdício:

  • Excesso de rebarbas, gerando retrabalho
  • Baixa velocidade de máquina por ferramenta defeituosa, gerando esforço adicional
  • Baixa performance do operador por falta de treinamento, gerando esforço adicional
  • Excesso de testes, impactando produtividade e gerando esforço adicional
  • Inspeções de qualidade excessivas, sem saber causa raiz do problema e gerando inspeções gerando esforço adicional

VSM EM COMPRAS É A SISTEMÁTICA PARA IDENTIFICAR DESPERDÍCIOS INTERNOS E NO FORNECEDOR

Sabendo onde estão os desperdícios é possível transformar em oportunidades, eventualmente reduções de custos expressivas ou melhorias de qualidade que agregam valor.

VSM em Compras é uma ferramenta de Lean Manufacturing, prática simples e muito pragmática. Possibilita entendermos oportunidades de melhoria de comunicação, gargalos, estoques e custos desnecessários.

Esta é uma ferramenta que deveria ser prática constante de diversas empresas, os funcionários precisam entender o fluxo e principalmente onde pode ser melhorado, buscando otimização contínua.

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. março 30, 2016

    […] o VSM se todos seguem o mesmo fluxo de […]

  2. junho 20, 2016

    […] Leia: VSM EM COMPRAS (VALUE STREAM MAPPING) | HABILIDADE DE MAPEAR OPORTUNIDADES […]

  3. janeiro 9, 2017

    […] Aumento na Produtividade de Fornecedores (veja VSM) […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *